quinta-feira, 9 de novembro de 2017

Ouvi o timbre da voz de 20 anos atrás


Nesses dias surgiu uma oportunidade inesperada, recebi a visita de uma prima que fazia alguns anos que não nos víamos, ela vinha de férias do trabalho e queria aproveitar para visitar familiares e amigos, ela já passou em minha casa na metade das férias e me convidou para visitarmos uma cidadezinha aqui perto em que sempre íamos quando éramos mais jovem, ainda hesitei e logo pensei: “meu Deus quanto tempo como estará aquele lugar”, mentalmente revivendo o passado fiz as contas de 20 anos atrás, seria o tempo que eu estive lá pela última vez.

Aceitei, e logo a conversação virou pura nostalgia só falávamos do vilarejo, no que vivemos e como estaria hoje, não se demorou muito e chegamos na estrada que levava ao nosso destino. É engraçado como têm coisas na vida que parecem nunca mudar, assim é o interior, passa-se anos e as mudanças vão chegando muito lentamente, para esse lugar não começou nem a chegar estava tudo como antes; os sítios as casas com seus alpendres animais no terreiro, não muito raros animais na estrada cachorros correndo atrás do carro, as pessoas olhando e conversando entre si, e se perguntando quem éramos, tentando nos conhecer, crianças brincando e gritando por toda parte.Logo adiante aquele cajueiro antigo como estava enorme, com uma sombra de fazer inveja, saímos do carro, continuaremos caminhando e falando com o povo. Desci descalça queria sentir aquilo tudo de novo. As ruas ainda de areia, o cheiro do mato aquele ar puro de matar, de vez em quanto o vento soprava subindo uma novem de poeira, nos trazendo tantas lembranças. As casas separadas por cercas de arame farpado, e toda aquela hospitalidade do interior.

A identificação aqui não é nosso nome nem quem somos, é de que família somos, quem são nossos avós, bisavós, quem são nossos parentes, e a conversa não tem fim, temos parentes por todo o vilarejo, e as notícias são muitas, vinte anos não cabem em um dia, mais tentamos, logo ficamos sabendo da vida de todo mundo, parecia um sonho poder está ali vivendo aquele momento novamente, era de mais pro meu coração, em muitos momentos me vali dos olhos para ajudar a conter a emoção que transbordava do peito. Dali saímos a caminhar mais um pouco, dessa vez as crianças e alguns animais eram nossos guias, vereda a cima vereda a baixo falando com um e com outo, “oh de casa, sou bisneta de fulano”, esse era o nosso comprimento, e logo alguém nos recebia de braços abertos e com tantas histórias para contar, por onde andamos fomos muito bem recebidas, em cada casa uma vivencia para ser compartilhada.

Em um determinado momento me vi em frente a uma casa antiga que em outros tempos eu visitava com frequência, que saudades senti, sentimentos aflorados que não sei descrever, me vi entrando naquela casa e novamente sentindo o seu cheiro, os móveis todos no mesmo lugar, as cadeiras de balanço no alpendre como nos velhos tempos, até as nossas conversas consegui escutar, “meu Deus ouvi o timbre da voz de 20 anos atrás”, me vi rindo feito besta enquanto meu amigo contava suas histórias engraçadas, me recordei que certo dia eu falei para ele que eu costumava fantasiar as pessoas, eu imaginava quem elas eram, e nem sempre eu acertava as vezes eu já convivia com a pessoa a um tempão e não conhecia, de tanto que eu criava, ele me perguntou como ele era em minha imaginação. Como eu estava apaixonada por ele não respondi. Naquele momento senti arrependimento das palavras que não falei, e pensei: “Poxa independente no resultado eu deveria ter falado”. Todas essas lembranças se passaram em alguns segundos que me detive parada ali a olhar aquela casa, dessa vez não entrei, pois, a casa já não pertence as mesmas pessoas.

E assim seguimos nossa missão, de reviver o passado, eram tantas lembranças, que até parecia que tínhamos voltado no tempo e estávamos revivendo tudo novamente, era tudo tão nítido, era real, eu estava novamente ali, eu estava vivendo aquilo tudo de novo. Em cada canto que nosso olhar pousava uma recordação, por vezes engraçada, por vezes tristes. Cada pessoa que encontrávamos mil recordações lembrávamos. Foi um dia inesquecível, e no final quem disse que eu queria voltar para casa... rsrsrs Queria eu poder me perder no passado e por lá ficar. 




AnnaLirios  
    













Fotos retirado do Google

16 comentários:

  1. Emocionantes as lembranças e ficamos impressionados como voltamos ao passado por vezes!" Lindo! bjs, chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa tarde, Chica!!!
      Realmente temos uma capacidade incrível de lembramos do passado, por vezes com riquezas de detalhes e sentimentos.
      Um abraço!!!
      Paz e Luz!!!

      Excluir
  2. Bom dia/boa tarde/boa n oite

    Independentemente do tema que li com toda a atenção, e como gostei muito do seu blogue, quero propor-lhe a troca de linkes, visto que o meu blogue ainda é muito bebé. Caso aceite a minha sugestão, é só aparecer no meu blogue e deixar expressa essa sua decisão. Fiz-me seguidor
    .
    https://brincandocomaspalavrass.blogspot.pt/
    .
    Votos de uma Santa tarde
    .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa tarde, Gil!!!
      Seja muito bem vindo!!!
      Obrigada por sua amizade!!!
      Não sei o que é exatamente troca de linkes, se poder me explicar agradeço.
      Lhe visitarei sim.
      Um abraço!!!
      Paz e Luz!!!

      Excluir
    2. Anna Lírios

      A troca de linkes = endereço do blogue, é ser linkado=colocado, na lista de blogues a visitar. O seu no meu, onde já se encontra, e o meu no seu.
      No meu blogue, à direita para quem o visita, repare que está uma lista de blogues, onde consta o nome do seu

      Fique feliz

      Excluir
    3. Bom dia, Gil!!!
      Sim, agora entendi. Já botei seu blog na minha lista de blogs.
      Obrigada por ter colocado o meu blog em sua lista.
      Um abraço!!!
      Paz e Luz!!!

      Excluir
  3. Querida Ana Lírios, que bela história e que lindas lembranças. Família e amigos verdadeiros são nossos maiores bens. Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa tarde, Lourdes!!!
      Verdade amiga a família é nosso maior tesouro e os amigos são benção de Deus em nossas vidas.
      Um abraço!!!
      Paz e Luz!!!

      Excluir
  4. Lindoooo,Anna!

    Muitas vezes gostaríamos de ter uma máquina do tempo e voltar ao passado para reviver tantas coisas bonitas,não é?

    Nosso bem maior são as memórias,a família e amigos para dividir tudo.

    Obrigada pela visita.

    Beijos sabor carinho e uma noite de quinta_feira de paz e alegrias

    Donetzka

    Blog Magia de Donetzka

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa tarde, Done!!!
      Obrigada por suas palavras. Verdade nosso bem maior é nossa família e amigos.
      Um abraço!!!
      Paz e Luz!!!


      Excluir
  5. Boa noite!
    Como de costume, estou aqui com o convite no 9º Poetizando e Encantando.
    A imagem para a temática, está muito deliciosa! Com certeza seu poetar vai ser maravilhoso!
    Uma dica! Na imagem tem algo que no PORTO se fabrica e é delicioso!
    O que será!!!
    Amanhã logo cedo postarei.

    Tenha uma noite de paz e que todas as manhãs
    você desperte com vontade de viver... E que nunca,
    de maneira alguma lhe falte FÉ para recomeçar
    um novo dia.
    Abraços, seja feliz!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa tarde, Lourdes!!!
      Obrigada mais uma vez pelo convite, é sempre muito bom participar da brincadeira.
      Muito obrigada por suas palavras.
      Um abraço!!!
      Paz e Luz!!!

      Excluir
  6. Texto excelente. Gostei e fiquei seguidora.

    Bjos
    Boa Terça-Feira- https://brincandocomaspalavrass.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  7. Boa noite, Larissa!!!
    Seja muito bem vinda, volte sempre.
    Obrigada por comentar e por sua amizade.
    Vou sim lhe visitar.
    Um abraço!!!
    Paz e Luz!!!

    ResponderExcluir
  8. Uma bela história plena de ótimas lembranças, embora pouca coisa tenha mudado, mas foi um retornar ao passado que, acredito, mexeu com suas emoções.
    Beijos carinhosos!

    ResponderExcluir
  9. Boa Tarde, Lucia!!!
    Seja muito bem vinda.
    Obrigada por sua amizade.
    Vou sim lhe visitar também.
    Verdade, foi o retornar ao passado que mexeu comigo, me fazendo reviver muitos sentimentos antigos.
    Um abraço!!!
    Paz e Luz!!!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

AnnaLírios

Obrigada por sua visita!!! Volte sempre!!! ❤ Um Abraço ❤ Paz e Luz!!!

Visualizações